Home / Comissão Policiais Pós 2013

Comissão Policiais Pós 2013

Comissão Policiais Pós 2013

Comissão Policiais Pós 2013

Momento SINPEF/MG / 15 de Abril de 2019

 

FEDERAÇÃO E CONSELHO CRIAM COMISSÃO PARA POLICIAIS PÓS-2013

 

Policiais federais que ingressaram na carreira após o ano de 2013 e que, por isso, estão enfrentando dificuldades com a nova proposta de reforma da previdência estão se mobilizando para levar ao conhecimento do Congresso Nacional as particularidades dos operadores de segurança pública. Para isso, criaram uma comissão que une Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal para debater o assunto e buscar soluções para os impasses.

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), junto com seus conselheiros, tem apoiado a comissão e dado o suporte para que as demandas sejam ouvidas. Na pauta, o grupo discute a tentativa do governo em barrar o ingresso desses policiais no Regime Próprio dos Servidores Públicos Federais, o que, segundo a comissão, é um ato ilegal, imoral e questionável. Para aposentador, o policial da turma pós-2013 conta apenas com a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo (Funpresp-Exe).

“Não permitiremos qualquer tipo de retrocesso em relação a demandas que consideramos urgentes e básicas para o operador de segurança pública”, avisa o presidente da Fenapef, Luís Antônio Boudens.

Outra demanda da comissão é que todos os policiais, independentemente da data de ingresso no órgão, sejam abrangidos pelos pleitos dentro da PEC da Nova Previdência, como a manutenção da atividade de risco policial no texto constitucional, a manutenção da integralidade e paridade para todos os policiais, independentemente da data de ingresso nas forças; a pensão integral no caso de morte de policial em serviço ou em função dele e a manutenção da diferenciação do tempo de serviço entre homens e mulheres policiais.

Veja na íntegra a carta da comissão que será entregue aos deputados federais, clique aqui.

Comunicação Fenapef

Fonte: FENAPEF


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA